Connect with us

Geral

1º Festival de Verão traz atrações para toda a família na Lagoa do Taquaral

Publicado

em

O evento que acontece 7 a 9 de fevereiro, trará churrasqueiros com carnes nobres, cervejas artesanais, brinquedos infantis e uma impressionante exposição com 300 carros clássicos dos mais diversos modelos.  O ingresso social é 1kg de alimento não perecível (facultativo) que serão doados para instituições de Campinas.

Campinas recebe, nos dias 7, 8 e 9 de fevereiro, a primeira edição do Festival de Verão. Produzido pela empresa FestBeer, o festival acontece na Lagoa do Taquaral e traz atrações para toda a família, como diversas opções gastronômicas, shows ao vivo, mais de 70 rótulos de cervejas artesanais, um gigante tobogã de 12mt e outros brinquedos infantis, além de uma exposição com 300 modelos de carros clássicos fabricados antes dos anos 80.

O evento acontece entre os portões 5 e 7 da Lagoa do Taquaral, das 17h às 22h na sexta-feira (07), e das 10h às 22h no sábado (08) e no domingo (09). A entrada é gratuita, mas a organização sugere a doação de um quilo de alimento não perecível como ingresso social. Todos os alimentos arrecadados durante o evento serão doados para creches e instituições de caridade de Campinas.

“Nós queremos promover um espaço onde as famílias possam curtir juntas um lindo dia de verão a céu aberto. Traremos uma enorme exposição de carros clássicos para que avôs, pais e filhos possam conhecer e relembrar carros que marcaram gerações; as crianças poderão brincar e se divertir em diversos brinquedos e toda a família poderá curtir os shows ao vivo e as delícias gastronômicas que teremos”, comenta Marcelo Campos, organizador do evento.

Programação Gastronômica: 

Durante todos os dias, mais de 30 opções de food trucks e stands gastronômicos com opções de hambúrgueres gourmets, lanches e porções variadas e até pastéis coloridos em tons de verde e vermelho estarão à disposição para agradar aos mais diversos paladares.

Destaque para os Assadores, popularmente conhecidos como churrasqueiros, que prepararão cortes nobres com técnicas do churrasco Texano e Argentino durante todo o dia. Entre eles, Costela no fogo de chão, Pork Ribs, Pulled pork, Brisket, porco no Rolete, Linguiça Artesanal e Costela no bafo.

Para acompanhar e dar uma refrescada nas tardes de verão, mais de 70 rótulos de cervejas artesanais estão à disposição do público que quiser conhecer aromas e sabores que vêm de diferentes preparações. O público também poderá degustar rótulos premiados produzidos em todo o Brasil.

O Festival de Verão conta, ainda, com uma MultiFeira onde podem ser comprados de queijos especiais da Serra da Canastra e da Serra da Mantiqueira, doces, salames artesanais, cachaças exclusivas e antepastos variados.

Programação Atrações:

Durante todo o fim de semana, shows ao vivo e gratuitos agitarão a programação do Festival de Verão. Na sexta, 7 de fevereiro, a banda Campineira Ruidos do Rock traz o melhor do rock nacional e internacional para o palco do festival a partir das 19h.

No sábado (8), Jô Silva Rock abre às apresentações trazendo grandes canções que marcaram décadas a partir das 11h para o festival. O solista Kaique Ribeiro assume o palco a partir das 15h e, para encerrar o dia com chave de ouro, às 19h a banda Rock Brew, traz grandes canções do Rock e do Pop Rock para o Festival.

No último dia, a programação conta com a banda Indigo Rock, que se apresenta a partir das 11h, com o solista de Rock e Pop Ezequiel, que se apresenta a partir das 15h, e com a banda Som Vinil, que sobe ao palco às 17h para finalizar as apresentações do festival.

No sábado (8) e no domingo (9), acontece, no próprio Festival de Verão, o 1º Encontro anual de Carros Clássicos. Com 300 exemplares produzidos antes dos anos 80. Avôs, filhos e netos poderão compartilhar histórias e conhecer e relembrar modelos que marcaram gerações. Além da exposição, o festival trará ainda comerciantes de peças e de miniaturas de carros clássicos.

Todos os dias, as crianças poderão aproveitar o melhor do verão um tobogã com 12 metros de altura, Bungee Trampolim, Laser Combat, Futebol de sabão, guerra de água e uma brincadeira que tem o poder de enlouquecer tanto os pais quanto os filhos, bolhas de são gigantes!

Serviço:
Festival de Verão

Dias: 07, 08 e 09 de fevereiro
Horários: Sexta-feira das 17h às 22h; Sábado e Domingo das 10h às 22h
Entrada: Gratuita
Local: Lagoa do Taquaral, portões de 5 a 7

Geral

Bolsonaro anuncia aumento do salário mínimo para R$ 1.100

Publicado

em

Por

O presidente Jair Bolsonaro anunciou hoje (30), em redes sociais, a assinatura de uma medida provisória (MP) que elevará o salário mínimo para R$ 1.100, com vigência a partir de 1º de janeiro. O valor atual é de R$ 1.045.

“O valor de R$ 1.100,00 se refere ao salário mínimo nacional. O valor é aplicável a todos os trabalhadores, do setor público e privado, e também para as aposentadorias e pensões”, afirmou o presidente.

Em meados de dezembro, o Congresso havia aprovado a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2021, fixando o salário-mínimo em R$ 1.088. Na proposta aprovada pelos parlamentares, não houve aumento real no salário, tendo sido feita apenas a correção com base na previsão da inflação acumulada no ano, de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

fonte ebc

Continue Lendo

Geral

Anvisa muda regras para uso emergencial de vacina contra covid-19

Publicado

em

Por

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) alterou ontem (29) dois pontos dos requisitos mínimos para submissão de pedido de autorização de uso emergencial de vacinas para covid-19.

“A publicação foi alterada em pontos específicos referentes aos documentos a serem submetidos à agência”, disse a Anvisa, em nota.

A mudança foi divulgada um dia depois da farmacêutica Pfizer informar, em comunicado, que não solicitará o uso emergencial de sua vacina no Brasil.

O imunizante foi desenvolvido em parceria com a empresa alemã BioNtech e já é utilizado em países como Reino Unido, Estados Unidos, Alemanha e França, entre outros. 

A Anvisa modificou um dos pontos destacados pela Pfizer como entrave para o uso emergencial. O dispositivo exigia a apresentação de um cronograma de distribuição da vacina específico para o Brasil, bem como a informação precisa da quantidade de produto acabado disponível para compra. Segundo a multinacional farmacêutica, tais pontos “só poderão ser definidos na celebração do contrato definitivo”.

Novas regras

Pelas novas regras da Anvisa, passou a ser necessário apresentar somente “informações sobre a previsão da quantidade de produto acabado disponível para importação e/ou disponibilização”.

O outro ponto alterado diz respeito ao Termo de Consentimento Livre e Esclarecido a ser elaborado com os dados específicos da vacina que se pretende autorizar para uso emergencial.

A Anvisa incluiu nos requisitos a sugestão de que seja utilizado o modelo simples disponibilizado pelo governo do Reino Unido. Pode ser empregado também “outro modelo desenvolvido pela empresa”, segundo a nova redação do Guia 42/2020.

No comunicado de segunda-feira (28), a Pfizer disse ter se reunido com técnicos da Anvisa em 14 de dezembro para esclarecer as dúvidas sobre o pedido de uso emergencial, e que, até aquele momento, concluiu ser mais célere submeter a vacina aos trâmites normais de autorização.

Continue Lendo

Geral

Com 10,8 milhões de doses, Estado de SP garante estoque para iniciar vacinação

Publicado

em

Por

Quantidade já é superior à mínima necessária para aplicação da primeira dose nos grupos prioritários da campanha

O Governo de São Paulo recebeu na manhã desta quarta-feira (30) um novo lote com mais 1,6 milhão de doses da vacina do Instituto Butantan contra o novo coronavírus.

Agora, já são cerca de 10,8 milhões de vacinas em solo brasileiro, quantidade superior ao necessário para aplicação das primeiras doses no grupo prioritário previsto na fase inicial da campanha, prevista para começar no dia 25 de janeiro.

Conforme já anunciado pelo Governo de SP, a primeira fase da campanha totaliza 9 milhões de pessoas, somando profissionais de saúde, idosos, indígenas e quilombolas, definidos como os primeiros públicos a participar da estratégia de Imunização devido à vulnerabilidade à COVID-19.

A nova carga desembarcou por volta das 5h50 no aeroporto de Guarulhos, em um voo da Swiss Air que saiu nesta terça-feira de Pequim, na China, e fez escala em Zurique, na Suíça.

Com doses já prontas para aplicação, esta é a sexta e última remessa de vacinas recebidas em 2020, e em janeiro mais lotes devem desembarcar em São Paulo.

Outras 500 mil doses chegaram também nesta semana, na segunda-feira (28), com o quinto lote de vacinas. A parceria entre o Butantan e a biofarmacêutica Sinovac Biotech foi firmada em junho. O primeiro lote com 120 mil doses chegou ao Brasil no dia 19 de novembro.

O segundo carregamento, com 600 litros a granel do insumo, correspondente a um milhão de doses, desembarcou em 3 de dezembro. Já a terceira remessa, com 2 milhões de doses, foi recebida em 18 de dezembro.

Na véspera de Natal (24) São Paulo recebeu a maior carga de vacinas com 5,5 milhões doses composta por 2,1 milhões de forma pronta para aplicação e mais 2,1 mil litros de insumos, correspondentes a 3,4 milhões de doses que serão envasadas no complexo fabril do Butantan, também em São Paulo.

“Já temos uma quantidade expressiva de vacinas disponíveis e novos lotes devem chegar agora em janeiro, o que permitirá, após o registro do imunizante pela Anvisa, o início da vacinação pela rede pública”, afirmou Dimas Covas, diretor do Instituto Butantan.

Continue Lendo