domingo, outubro 22

1º Workshop de Esporte esclarece dúvidas de entidades e empresários

O 1º Workshop de Esporte, realizado nesta quinta-feira, dia 29, em Sumaré, esclareceu dúvidas de dezenas de representantes de entidades, poder público e empresários sobre a Lei Estadual de Incentivo ao Esporte. O evento contou com palestra do secretário adjunto de Esporte, Lazer e Juventude do Estado de São Paulo e presidente do Núcleo de Gerenciamento e Análise de Projetos, Silvio Garcia Junior, e também com a participação dodiretor substituto do Departamento de Incentivo e Fomento ao Esporte, do Ministério do Esporte, Luiz Ricardo Montenegro Marciano.

            Representando o prefeito Luiz Dalben, o vice Henrique Stein e o secretário municipal de Esporte, Cultura e Lazer, Paulo Sciascio Neto, recepcionaram os participantes. “Ficamos muito felizes em dar esta oportunidade para associações, empresariado, atletas, para captar mais recursos para o esporte. Esperamos que este workshop renda bons frutos, não só para nossa cidade, para todas as outras cidades da região”, comentou o vice-prefeito. O secretário municipal de Esportes de Santa Bárbara d’Oeste, Vinícius Furlan, também participou do workshop, assim como o vereador Kiko Beloni, de Valinhos, o vereador Elvis Garcia (Pelé), de Nova Odessa, o vereador sumareense Dudu Lima.

            O palestrante Silvio Garcia Junior detalhou ao público presente a Lei Estadual de Incentivo ao Esporte, explicando as sete áreas em que podem ser apresentados projetos: educacional, formação desportiva/paradesportiva, rendimento desportivo, área sociodesportiva, participativa (eventos públicos), de gestão e desenvolvimento desportivo, e área de infraestrutura. Além disso, o secretário adjunto também explicou de que forma devem ser apresentados os projetos, como captar recursos com as empresas, exigências previstas na lei, qual o trâmite dos projetos dentro da Secretaria Estadual de Esporte, Lazer e Juventude e sobre as prestações de contas. No site da pasta (www.selj.sp.gov.br) há um tutorial sobre o assunto, que pode ser acessado por qualquer interessado.

           Este ano, o Estado de São Paulo liberou R$ 59 milhões para os projetos da Lei de Incentivo ao Esporte (Decreto 55.636/2010). Já o Ministério do Esporte disponibilizou R$ 400 milhões (Lei Federal de Incentivo ao Esporte nº 11.438/2006). “Para que este recurso chegue até a população, basta uma decisão do empresariado de apoiar os projetos das entidades, atletas, prefeituras”, ressaltou Luiz Ricardo Montenegro Marciano.

“Nosso objetivo com este workshop foi divulgar a Lei Estadual de Incentivo ao Esporte e, consequentemente, atrair cada vez mais investimentos no esporte para nossa cidade e região. O esporte é uma das maiores ferramentas de transformação social que temos e, muitas vezes, os empresários, associações, entidades não utilizam as leis de incentivo por desconhecimento”, finalizou o prefeito Luiz Dalben, também vice-presidente do Conselho de Desenvolvimento da RMC.