quarta-feira, junho 23, 2021
InícioNossa Cidade‘Bolsa Creche’ cresce em 26%

‘Bolsa Creche’ cresce em 26%

Visando suprir a inexistência de creches municipais através de convênios com escolinhas particulares da cidade, a Prefeitura de Sumaré, através da Secretaria Municipal de Educação, vem ampliando o Proeb (Programa Municipal de Educação Básica) ao longo dos dois últimos anos, a fim de atender às famílias sumareenses que precisam trabalhar e deixar seus filhos sob cuidados pedagógicos.

Desde o início de 2013, quatorze novas creches particulares foram incluídas no programa, aumentando o total de instituições conveniadas de 36 para 50. Isto também permitiu o incremento do número de vagas “compradas” em 26,7%, pulando de 3.359 para 4.258 alunos (de 0 a 3 anos) atendidos pelo programa municipal. Todas as vagas são para período integral.

Além disso, o valor repassado por vaga pela Prefeitura para as instituições conveniadas foi reajustado de R$ 293,00, no final de 2012, para os atuais R$ 387,80 – valor agora na média do que é pago por programas semelhantes de outras cidades. São investidos R$ 1.651.252,40 mensalmente no programa atualmente, o equivalente a quase R$ 20 milhões no ano, em recursos exclusivamente municipais (ou seja, dos cofres da própria Prefeitura).

“Sempre digo que a Educação é um ferramenta importantíssima no processo de desenvolvimento das nossas crianças, e é neste sentido que temos trabalho diariamente para incrementar este e outros programas. O Proeb é considerado uma ferramenta fundamental para o atendimento das famílias que precisam desse serviço enquanto não possuímos unidades (Creches Municipais) próprias”, comentou a prefeita Cristina Carrara.

O Proeb é um programa municipal, criado por legislação local e pago com recursos do Tesouro Municipal (ou seja, com recursos da própria Prefeitura). Ele não deve ser confundido com o programa “Brasil Carinhoso – Ampliação do Acesso à Creche”, que é federal. A Prefeitura não recebe repasses do Governo Federal para o Proeb municipal.

CRECHES PRÓPRIAS

Além do incremento do “bolsa creche”, há também três Unidades Municipais em construção que, juntas, terão capacidade para atender no mínimo a mais 720 crianças. Outra importante medida tomada pela prefeita Cristina Carrara foi a assinatura, no ano passado, de um convênio com a Secretaria de Educação, por meio do Programa “Creche Escola”, no valor de R$ 1.940.777,02, para a construção da Creche e Pré-Escola Municipal do Jardim Lucélia, na Região do Picerno – que será a quarta unidade municipal para atendimento desta faixa etária.

Artigos Relacionados
- Advertisment -

Ultimas