Connect with us

Nossa Cidade

Cai mais 90% os casos de dengue na cidade

Publicado

em

Sumaré chegou a 472 casos confirmados de dengue em 2016, segundo o último boletim divulgado pela Vigilância Epidemiológica do Município. Até o último boletim, eram 460. O número é 96,7% menor que o do mesmo período de 2015, quando foram 14.221 casos confirmados. Já em relação ao zika vírus, são 44 casos confirmados da doença.

De acordo com o mesmo boletim, foi confirmado o primeiro caso de chikungunya em um morador da cidade. Trata-se de uma mulher, 49 anos e residente da Região do Maria Antonia, que contraiu o vírus da doença em viagem para o Maranhão. Logo que a notificação chegou para a Vigilância em Saúde de Sumaré no mês de fevereiro, as equipes de Controle de Vetores já realizaram trabalhos de visita casa a casa e controle de vetores na região.

A paciente recebeu orientações na Rede Pública de Sumaré e está com quadro de saúde estável, apresentando apenas com um pouco de artralgia (dores nas articulações) e edema localizado.

Vale lembrar que, por se tratar de um caso importado, não há, até o momento, a confirmação do vírus da chikungunya circulando no Município.

 

Publicidade

DICAS

Faça a sua parte. Dedique 10 minutos do seu tempo para eliminar os criadouros do seu imóvel. Veja o que você pode fazer na sua casa, empresa, terreno ou comércio:

  • Elimine vasos e pratos de vasos com água
  • Cuide para não acumular água em bromélias e outras plantas
  • Dê a destinação correta para entulhos e materiais recicláveis
  • Mande para a reciclagem vasilhames, panelas velhas, latas, caixas de leite, garrafas de todos os tipos, sacolas plásticas, vidros de remédios e etc
  • Devolva os pneus velhos na borracharia ou mantenha-os secos e em local fechado e coberto
  • Mantenha os reservatórios de água (caixas d’água, galões, tambores e baldes) tampados ou cobertos por uma tela mosquiteira
  • Feche vasos sanitários sem uso
  • Tampe todos os ralos do seu imóvel
  • Lave o interior dos potes de água de animais domésticos todos os dias
  • Limpe as calhas desniveladas ou entupidas, inclusive as calhas dos boxes de banheiro
  • Limpe e seque os reservatórios dos motores de geladeiras antigas e dos aparelhos de ar-condicionado
  • Trate regularmente a água das piscinas
  • Estique as lonas ou coberturas móveis para que não formem poças de água
  • Antes de guardar qualquer recipiente que estava com água acumulada, lave-o bem e só o armazene em local seco e coberto, pois os ovos do mosquito sobrevivem por até 1 ano mesmo sem água

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS
Compartilhar no Facebook

Publicidade