Connect with us

Nossa Cidade

Com chuvas atípicas Defesa Civil mantém plantão e reforça divulgação de seus canais de comunicação

Publicado

em

As chuvas atípicas para esta época do ano que atingem a região colocam a Defesa Civil Municipal, um órgão da Prefeitura de Sumaré, em estado de sobreaviso constante – inclusive durante o próximo final de semana, quando há previsão de mais precipitação em todo o Estado de São Paulo. Assim, numa época do ano em que as atenções já estão voltadas para a preparação da “Operação Estiagem”, os técnicos do órgão continuam monitorando, 24 horas por dia, as áreas de risco para cheias – notadamente os seis bairros mais “baixos” situados na bacia dos ribeirões Jacuba e Quilombo, que são a ocupação Três Pontes e os jardins Primavera, São Domingos, Basilicata e Picerno, além do Jardim Manchester.

“Nosso monitoramento da cidade é constante, e recebemos a previsão do tempo e os índices de precipitação 24 horas por dia dos órgãos regionais e estaduais, através das cinco estações instaladas em toda a cidade, inclusive uma no Ribeirão Quilombo, altura do Jardim Primavera. A todo o momento, contamos com todo o Sistema Municipal de Defesa Civil, que agrega as equipes das secretarias de Serviços Públicos, Obras, Meio Ambiente, Comunicação, Inclusão Social, Esporte, Cultura e Lazer, Segurança e outras, se necessário”, explicou o superintendente do órgão municipal, tenente Josué Fernandes dos Santos.

Se necessário, em caso de cheias nestes ou em outros locais, até 200 servidores municipais, além de voluntários, podem ser acionados a qualquer momento para as ações de socorro, remoção, abrigamento e atenção às famílias eventualmente desalojadas pelas águas, bem como posterior limpeza dos pontos atingidos – como ocorreu recentemente no final de dezembro e em meados de janeiro, quando as fortes chuvas que atingiram a região causaram os dois mais recentes episódios de cheias. Como sempre, o ponto de referência para abrigamento temporário é o Centro Esportivo da Vila Yolanda Costa e Silva.

Também se necessário, os CRASs (Centros de Referência de Assistência Social) do São Domingos (que atende às famílias afetadas do Primavera e do próprio Jardim São Domingos), do Basilicata (que também atende às famílias do Picerno) e do Horto (que atende às famílias do Jardim Três Pontes) são acionados para atender em regime de plantão.

CONTATOS

Publicidade

A Defesa Civil Municipal, o Corpo de Bombeiros Municipal, as Secretarias Municipais de Serviços Públicos e demais órgãos municipais envolvidos nestas ações estão sempre de plantão 24 horas por dia.

Em situações de cheias, quando o cidadão verificar ocorrências de queda de árvores, obstruções de vias públicas ou alagamento de vias públicas ou imóveis particulares, qualquer chamado de urgência e emergência pode ser contatado através dos números 193, (19) 3873-2147, 3873-5994 (do Corpo de Bombeiros Municipal) ou (19) 3903-4147 (sede da Defesa Civil Municipal).

Os Bombeiros Municipais podem acionar as equipes das demais secretarias da Prefeitura e a própria Defesa Civil Municipal e Estadual, se necessário.

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS
Compartilhar no Facebook

Publicidade