Connect with us

Nossa Cidade

Mais 120 pets serão atendidos na etapa desta semana da Campanha de Castração 2016

Publicado

em

A Campanha de Castração Animal 2016 da Prefeitura de Sumaré realizará nesta semana mais uma etapa, exclusivamente voltada para os cães e gatos de famílias de baixa renda da cidade previamente inscritas pela Prefeitura em programas sociais do município. Na quinta e sexta-feira (18 e 19 de agosto), das 7 às 13 horas, serão atendidos os pets das famílias já cadastradas dos bairros da Região do Picerno. A ação acontecerá na nova sede da Administração Regional, localizada na Avenida Fuad Assef Maluf, nº 2.035 (na altura do Residencial Bordon).

Já no sábado e no domingo (20 e 21 de agosto), no mesmo horário – 7 às 13 horas, os pets da famílais cadastradas em programas sociais da Região do Cruzeiro (Área Rural) serão atendidos na sede do canil da Guarda Civil Municipal. Somente serão atendidos na unidade móvel os casos previamente agendados e que atenderem ao critério social. As famílias atendidas nesta etapa já foram informadas pela equipe da Secretaria Municipal de Saúde e devem manter-se atentas às orientações passadas.

 

BALANÇO

Promovida pela Prefeitura de Sumaré, a Campanha de Castração Animal 2016 já atendeu a 425 cães e gatos machos e fêmeas de famílias de baixa renda da cidade. Em quatro fases da ação, foram atendidas as regiões de Nova Veneza, Jardim São Judas Tadeu e Horto Florestal (incluindo a ocupação conhecida como “Três Pontes” e os Assentamentos I e II).

Publicidade

A ação é coordenada pelas secretarias municipais de Defesa, Proteção e Preservação do Meio Ambiente e de Saúde, e acontece sempre em espaços públicos de fácil acesso no município, dentro de uma unidade móvel. O procedimento de castração dos pets é executado por empresa especializada, contratada pela Prefeitura por meio de processo licitatório.

“A castração impede a reprodução sem controle de cães e gatos, diminuindo o número de animais abandonados na cidade, por isso é de fundamental importância a realização desta grande campanha que, até o fim do ano, deverá contemplar a todas as regiões de Sumaré”, explicou a equipe da campanha.

A secretaria de Meio Ambiente destaca que a viabilização desta iniciativa conta com a união de esforços entre o Poder Público e as ONGs que trabalham em prol da causa animal na cidade – como “Viralatinhas” e “Pata Verde” –, além de protetores de alguns bairros. No caso de dúvidas, os moradores devem procurar os protetores ou entrar em contato com o Meio Ambiente de Sumaré, por meio do telefone (19) 3828-4775.

 

CASTRAÇÃO E MICROCHIPAGEM

Publicidade

Os procedimentos pré e pós-operatório, assim como os medicamentos, são de responsabilidade dos proprietários dos cães e gatos. No processo cirúrgico, os animais passam por uma avaliação clínica prévia e recebem uma anestesia geral. A castração em machos consiste na retirada dos testículos. Nas fêmeas, são retirados o útero, trompas e ovários. Trata-se de uma cirurgia de baixo risco e o animal é liberado assim que o efeito da anestesia é revertido.

Durante a campanha, os animais também recebem a microchipagem, uma identificação eletrônica feita por meio da inserção de um microchip no animal. Do tamanho de um grão de arroz, o microchip contém todas as informações (espécie, idade, sexo, etc) que passam a fazer parte de um cadastro nacional. A finalidade da microchipagem é promover a “guarda responsável” e o fácil acompanhamento vacinal dos cães e gatos.

A castração animal diminui a superpopulação de cães e gatos na cidade, reduz drasticamente o risco de doenças no animal e o risco de fugas e brigas, que podem acarretar acidentes graves e até fatais, como atropelamentos, entre outros benefícios tanto para os animais quanto para a população da cidade.

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS
Compartilhar no Facebook

Publicidade