quarta-feira, Maio 23

No Dia Mundial da Água, crianças participam de ação de recuperação de nascentes

  

Sumaré, 22 de março de 2018

 

Junto do vice-prefeito Henrique Stein e de colaboradores da Secretaria de Meio Ambiente, crianças atendidas pelo IBQ (Instituto Bem Querer) – entidade parceira da Prefeitura – deixaram hoje sua contribuição para a recuperação de uma área de nascentes localizada atrás do Campo do Alvorada, na região central. Os pequenos realizaram o plantio de 45 mudas de árvores nativas e frutíferas no local, onde antigamente havia uma ocupação irregular. A atividade aconteceu em comemoração ao Dia Mundial da Água, celebrado neste 22 de março. Escolas municipais também realizaram diversas ações de conscientização dos alunos para a preservação dos recursos hídricos.

Na nascente, as crianças puderam ver a água límpida “brotando” da terra e seguindo seu curso, até a Represa do Marcelo, que é um manancial de abastecimento da cidade. O vice-prefeito e secretário de Meio Ambiente, junto dos técnicos da pasta, explicaram aos pequenos sobre a importância das árvores para a manutenção dos lençóis freáticos e, consequentemente, para a preservação da água. Ainda reforçaram sobre a necessidade do uso consciente de água dentro de casa, como fechar a torneira ao escovar os dentes e lavar louças, desligar o chuveiro ao se ensaboar, etc.

“Nós, enquanto Poder Público, temos a obrigação de mobilizar nossas crianças e adolescentes para a preservação dos recursos naturais, principalmente a água, que é nosso bem mais precioso. A ideia é incentivar essa geração, desde cedo, a cuidar do meio ambiente e da nossa cidade, garantindo o desenvolvimento sustentável de Sumaré”, explicou o prefeito Luiz Dalben, idealizador do projeto Replantar.

O vice-prefeito acompanhou as crianças na atividade. “A Secretaria de Meio Ambiente está trabalhando na recuperação dessa área de nascentes e, neste Dia da Água, decidimos trazer nossas crianças para que elas pudessem conhecer um pouco da riqueza ambiental que temos em Sumaré e que precisa ser preservada. É uma iniciativa para despertar nas nossas crianças o cuidado com o meio em que vivemos”, disse Henrique.

 

ESCOLAS

Já nas escolas municipais, diversas atividades foram desenvolvidas em todas as unidades e o projeto de “Educação para o Meio Ambiente” centralizou uma ação na Escola Municipal Antonio Palioto. Houve palestra, música, vídeos, teatro e uma maquete sobre o consumo de água, tratando do tema “Vamos cuidar do Brasil cuidando das águas”.

“A ideia é que estes jovens multipliquem em casa o que aprendem na escola”, comentou a secretária municipal de Educação, Mirela Cia Medeiros.