Connect with us

Nossa Cidade

Prefeitura de Sumaré cria nova ligação, confira

Publicado

em

Em complemento à obra da nova agulha de acesso entre a Rodovia Anhanguera (SP-330) e o Jardim São Francisco, na Área Cura, viabilizada pelo Governo do Estado a pedido da Prefeitura de Sumaré, a própria Administração Municipal deu início nesta semana à implantação de uma via de ligação entre a Avenida Promac (via paralela à marginal da rodovia) e a Rua Jair Delfino Machado (antiga Rua 16), no mesmo bairro.

A abertura e pavimentação da nova rua visa facilitar ainda mais o tráfego de motoristas que acessam os bairros da Área Cura pela marginal da Anhanguera e pelo novo acesso. O serviço é realizado pela Prefeitura de Sumaré, através das equipes e máquinas da Secretaria Municipal de Serviços Públicos. No caso obra “municipal”, tratam-se de 600 metros quadrados de terraplenagem e nova pavimentação asfáltica, além de construção de guias, calçadas e paisagismo. “Vai facilitar muito a vida de quem trafega por aqui, reduzindo as distâncias”, comentou o administrador regional da Área Cura, que supervisiona a obra complementar.

Já a ligação realizada pelo Governo do Estado, viabilizada pela Artesp (Agência de Transportes do Estado de São Paulo) e pela concessionária que administra a rodovia, a CCR AutoBAn, está sendo construída na altura do quilômetro 110 da pista sentido Interior/Capital da rodovia. A obra “estadual” está em estágio avançado.

RODOVIA
No caso da obra realizada pelo Governo do Estado, trata-se da remodelação total do antigo acesso (que ficava na altura no quilômetro 109,5), mas com nova geometria e localização, com o objetivo de encurtar a distância percorrida por quem precisa chegar a bairros como os jardins São Francisco e Maracanã e a Área Cura em geral.

O antigo acesso, no quilômetro 109,5 da pista Sul da rodovia, era uma pista marginal que foi fechada anos atrás. Atualmente, o acesso se dá na altura do quilômetro 109,2, mas é considerado perigoso e oferece riscos aos motoristas, porque está muito próximo ao ponto de ônibus e não permite um bom espaço para aceleração e desaceleração. Com a construção do novo acesso, a entrada atual será remodelada e destinada apenas à saída dos veículos do bairro para a rodovia, sentido Campinas.

Publicidade

Além da implantação do acesso, a obra inclui a implantação de uma faixa de desaceleração, ampliação da marginal e melhorias em ponto de ônibus existente no local, por onde passam diariamente 47 mil veículos em média

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS
Compartilhar no Facebook

Publicidade