Prefeitura de Sumaré e CPFL reúnem-se para tratar da retirada de fiação excedente ou inoperante em postes da cidade

A Prefeitura de Sumaré e a CPFL (Companhia Paulista de Força e Luz) estiveram reunidas nesta segunda-feira (25) para tratar da necessidade de retirada dos fios que estão em desuso nos postes existentes em todo o município que são de gestão da concessionária de energia elétrica, conforme previsto pela Lei Municipal nº 5.942 (alterada pela Lei Municipal nº 6.572, de maio deste ano).

“As secretarias municipais de Obras e de Serviços Públicos identificaram inúmeros cabos caídos ou estourados na rede, então, a Administração Municipal e a CPFL irão notificar as empresas que utilizam os postes como suporte para cabeamentos para que procedam com o ordenamento, limpeza e descongestionamento dos fios”, explicou o secretário de Obras e de Serviços Públicos da Prefeitura de Sumaré, Aparecido Fernandes, que representou o prefeito Luiz Dalben na reunião.

De acordo com lei, as empresas terão o prazo de 15 dias da data em que forem notificadas para que regularizem a situação.

“A reestruturação e limpeza da rede de fios, retirando a fiação excedente ou inoperante nos postes de ruas da cidade é fundamental, pois, em muitos casos, representam riscos de acidentes para a população. Certos de que a CPFL está sensível a esta nossa demanda, esperamos que a situação seja resolvida o mais breve possível”, disse o prefeito Luiz Dalben.

A CPFL foi representada por Edson Ricardo de Souza (técnico de projetos); José Nilton Moreira de Miranda (técnico em rede de distribuição); Talita Pinotti (consultora de negócios). Além do secretário municipal de Obras e de Serviços Públicos, Aparecido Fernandes, o fiscal de Obras James Gil também esteve presente pela Prefeitura de Sumaré.