Connect with us

Nossa Cidade

Sumaré aciona a Justiça para liberar dinheiro para pagamento dos servidores

Publicado

em

A Prefeitura de Sumaré entrou nesta segunda-feira, dia 11 de julho, com uma ação ordinária com pedido liminar para a liberação dos repasses do FPM (Fundo de Participação dos Municípios) feitos pelo Governo Federal. O bloqueio dos cerca de R$ 8,6 milhões do Fundo ocasionou o adiamento do pagamento do salário dos servidores municipais na última quinta-feira, dia 7.
Enquanto aguarda o andamento da ação ordinária, a Administração paga aos servidores nesta terça-feira, dia 12, uma nova parcela de R$ 1.400,00, oriundos de outras receitas municipais, quitando o salário de três mil funcionários. O depósito representa um  montante de R$ 5.248.365,51 pagos à categoria.
Após todas as tentativas administrativas cabíveis, a ação ordinária com pedido liminar foi a solução encontrada pelo Departamento Jurídico da Prefeitura para conseguir com mais agilidade a liberação dos valores retidos pelo Governo Federal e pagar  integralmente o salário de todos os servidores. Os recursos vindos do FPM são indispensáveis para o fluxo de caixa da Prefeitura.
A Administração não tem medido esforços para priorizar o pagamento da categoria, bem como da manutenção de serviços essenciais, como Saúde, Segurança, Limpeza Pública.
Na última quinta-feira, dia 7 de julho, a Prefeitura de Sumaré fez o depósito de R$ 954,00 nas contas de cada um dos mais de 5.000 servidores. A Prefeitura contava com R$ 4.997.713,61 em caixa. A Administração Municipal lamenta o parcelamento e não mede esforços para a regularização do mesmo. A Folha de Pagamento líquida mensal da Prefeitura de Sumaré está na casa dos R$ 15,6 milhões.

COMPARTILHE NAS REDES SOCIAIS
Compartilhar no Facebook

Publicidade