nipo

Sumaré: Terreno da Nipo é escolhida para projeto de compensação de carbono através de plantio de árvores

Para reforçar seu compromisso ambiental e com o crescimento sustentável, a É PRA JÁ Impressões Inteligentes escolheu uma área de aproximadamente 16 mil metros quadrados da Nipo Sumaré para desenvolver seu projeto de compensação de emissão de CO² através do plantio de árvores de diversas espécies. Nesta quarta-feira, 16/02, representantes da empresa, da associação e uma bióloga estiveram na área para fazer as medições do terreno e iniciar o projeto técnico.

A É PRA JÁ está no mercado de outsourcing de impressão desde 2007 e oferece soluções de aluguel de impressoras, programas de gerenciamento de impressões, manutenção de equipamentos e suprimentos. Desde 2007, toda a emissão de CO² ocorrida pelas impressões realizadas pelos clientes são neutralizadas através do plantio de árvores.

A cada 7.500 impressões, uma árvore é plantada. Por mês, são plantadas cerca de 150 árvores, na região do Sul do País.  Agora é a primeira vez que a empresa de Sumaré fará o plantio de árvores em uma área da cidade. “Estamos sempre ampliando nossas ações para contribuir cada vez mais com a sociedade. Poder atuar diretamente na comunidade onde estamos é gratificante”, comentou o CEO da É PRA JÁ, Cristiano Anselmo.

A bióloga Fernanda Capuvilla é a responsável pelo projeto técnico que vai determinar desde as espécies mais adequadas para a área até as ações necessárias para sua manutenção. Ela lembra que o cuidado após o plantio é fundamental para garantir o crescimento e desenvolvimento das árvores.  Por isso, o estudo é feito minuciosamente, com detalhes das necessidades na fase de manutenção.

A Nipo é uma das associações mais tradicionais de Sumaré. Atua na preservação e divulgação das tradições japonesas e frequentemente promove eventos em sua sede. O plantio das árvores vai aprimorar a área verde, proporcionando aos visitantes mais contato com a natureza. Para o presidente do Conselho Deliberativo da Nipo, Ernesto Tochiaki Suguihara, a iniciativa representa uma grande conquista para a associação.