domingo, outubro 22

Vacinação contra a gripe termina nesta sexta-feira, dia 26

Com 29.037 pessoas vacinadas, representando uma cobertura vacinal de 64,54% do público-alvo, Sumaré segue a orientação do Ministério da Saúde e encerra a campanha de vacinação contra a gripe nesta sexta-feira, 26 de maio. A vacina estará disponível até as 17 horas em 23 unidades de saúde da cidade, por isto, quem ainda não recebeu a dose, deve procurar o posto de vacinação mais próximo de casa.

O secretário municipal de Saúde, Carlos Eduardo Vicente, alerta para a importância de o público-alvo receber a imunização dentro do período da Campanha de Vacinação para evitar a gripe e possíveis complicações nas estações mais frias do ano. “A vacina é uma das medidas mais eficazes na prevenção de casos graves de gripe. Por isto, é importante que a imunização aconteça antes do início do inverno, período em que há maior circulação do vírus influenza”, explicou.

Até o momento, nenhum grupo prioritário atingiu a meta de vacinação de 90%. A maior cobertura vacinal foi registrada entre os idosos, com 17.157 doses aplicadas (83,22%), seguida de mulheres no pós-parto (78,75%) e trabalhadores da saúde (64,22%). Gestantes (41,40%) e crianças de seis meses a menores de cinco anos (44,60%) são os grupos que menos procuraram a vacina. Já entre as pessoas com doenças crônicas, foram 9.793 doses aplicadas (71,68%).

Além destes grupos, também estão sendo vacinados professores, policiais, bombeiros, carteiros, profissionais do Poupatempo, do Poder Judiciário e do Ministério Público – ou seja, pessoas que têm mais contato com o público. Para receber a dose, é necessário apresentar Carteira de Vacinação ou documento de identidade. Há contraindicação para pessoas com histórico de reação anafilática prévia em doses anteriores e pessoas que tenham alergia grave relacionada ao ovo de galinha e a seus derivados.

PREVENÇÃO

A transmissão dos vírus influenza acontece por meio do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Também ocorre por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos, nariz).

À população em geral, o Ministério da Saúde orienta a adoção de cuidados simples como medida de prevenção para evitar a doença, como: lavar as mãos várias vezes ao dia; cobrir o nariz e a boca ao tossir e espirrar; evitar tocar o rosto; não compartilhar objetos de uso pessoal; evitar locais com aglomeração de pessoas.

É importante lembrar que, mesmo pessoas vacinadas, ao apresentarem os sintomas da gripe – especialmente se são integrantes de grupos mais vulneráveis às complicações – devem procurar, imediatamente, um médico.

Os sintomas da gripe são: febre, tosse ou dor na garganta, dor de cabeça, dor muscular e nas articulações. Já o agravamento pode ser identificado por falta de ar, febre por mais de três dias, sintomas gastrointestinais, dor muscular intensa e prostração.