Connect with us

Geral

VACINAÇÃO: Fundamental para prevenir doenças, adultos também devem se imunizar

Publicado

em

Engajamento da população é essencial para que doenças já erradicadas não retornem

Muita gente não sabe, mas os adultos também devem manter sua caderneta de vacinação em dia. Quem não está imunizado coloca em risco sua saúde, e pode se tornar um transmissor de doenças, em especial para crianças, que são mais vulneráveis. “As vacinas atuam como um mecanismo de defesa contra agentes infecciosos e bacterianos, por isso são essenciais para a proteção do organismo”, destaca Luci Clea Silva, coordenadora do curso de Enfermagem da Anhanguera de Sumaré.

Segundo o Ministério da Saúde, são disponibilizadas 19 vacinas para mais de 20 doenças, e o calendário nacional de vacinação contempla crianças, adolescentes, adultos, idosos, gestantes e povos indígenas. A professora destaca que para os adultos, a partir dos 20 anos é necessário se vacinar, pelo menos, contra sarampo, caxumba, rubéola, hepatite B, febre amarela, difteria e tétano. “E a acessibilidade é para todos, pois estas vacinas estão disponíveis pelo Sistema Único de Saúde (SUS)”, reforça Luci. Segundo a especialista, especialmente quem tem acima de 60 anos, além dessas, deve tomar a vacina da gripe anualmente.

“E para quem perdeu a caderneta e não sabe quais vacinas tomou, deve-se considerar não ter sido vacinado, procurar um posto de saúde para providenciar uma segunda via e tomar as doses indicadas conforme a fase de vida”, orienta a professora da Anhanguera. “A repetição de doses não ocasiona problemas”, esclarece.

A docente orienta, ainda, que o ideal é fazer um controle da saúde, verificando por meio de exames de sangue, se está protegido contra doenças. “Além da vacinação em dia, é essencial consultar um médico regularmente para acompanhar a saúde”, conclui a especialista.

Confira as principais vacinas que devem ser tomadas pelos adultos:

·         Hepatite B – são necessárias três doses para quem não tomou durante a infância ou nunca teve a doença. Deve-se tomar a segunda dose dois meses após a primeira; e a terceira, quatro meses após a segunda.

·         Tríplice viral (SRC) – protege contra sarampo, caxumba e rubéola. A dose é única e é contraindicada para gestantes e pessoas com imunidade comprometida.

·         Dupla adulto (dt) – protege contra difteria e tétano. É necessário tomar uma dose a cada dez anos.

·         Febre amarela – a vacinação deve ser feita uma vez a cada dez anos. É indicada somente para quem reside ou para quem vai viajar para lugares onde o risco da doença é alto. Ela é contraindicada para gestantes e mulheres que estiverem amamentando

Continue Lendo

Geral

Homem se joga da ponte da rodovia Anhanguera e via fica bloqueada

Publicado

em

Por

Na manhã desta sábado (14), um homem cuja identidade não foi revelada se jogou da ponte da rodovia Anhanguera, próximo à avenida Jonh Boyd Dunlop, em Campinas.

O SAMU Hortolândia foi ao local com a viatura
Bravo 09, composta pelo técnico de enfermagem David e o condutor Erick, onde prestaram os primeiros atendimentos.

As primeiras informações dão conta que o homem parou no meio da ponte, sentido capital, e se atirou de uma vez.

Equipes de resgate fizeram o possível na tentativa de reanimar o homem que não resistiu aos ferimentos e faleceu no local.

Equipes da Autoban se deslocaram até o local para efetuar o resgate. O trânsito ficou congestionado e por um período foi bloqueado no local.

Continue Lendo

Geral

Justiça determina a volta de radares móveis em rodovias federais

Publicado

em

Por

A Justiça Federal decidiu ontem(11) derrubar a portaria do presidente Jair Bolsonaro que suspende a utilização de radares móveis nas rodovias federais do país.

Desde agosto o uso dos radares móveis está suspenso pela determinação do presidente.

O pedido liminar foi feito pelo Ministério Público Federal que alegou que a falta dos radares pode causar danos à sociedade.

O Juíz Marcelo Gentil Monteiro, da 1ª Vara Federal Cível, atendeu a liminar e determinou a volta dos radares. O juiz deu um prazo de 72 horas para que a policia tome todas as providências para restabelecer a fiscalização por meio dos radares estáticos, móveis e portáteis nas rodovias federais.

Continue Lendo

Geral

Lagoa do Taquaral recebe espetáculos multimídia de 13 a 23 de dezembro

Publicado

em

Por

Prepare-se para uma série de 42 shows com águas, luzes e uma trilha sonora inspiradora. Roteiro indispensável e gratuito para este fim de ano acontece de 13 a 23 de dezembro, na Lagoa do Taquaral (entrada pelo portão 1), com projeção de efeitos especiais em uma cortina d’água. As apresentações diárias, das 19h30 às 21h, revisitam a expressividade do Natal.

Os espetáculos multimídia, cada um com duração de 15 minutos, são feitos por meio de uma técnica de projeção possível criar holografias, que dão a sensação de estar “flutuando” sob a água, gerando um grande impacto na plateia.

No movimento de cores e luzes, o desenho sonoro é traçado por gravações originais da Sinfônica de Campinas, composta por obras de Carlos Gomes, Radamés Gnattali, entre outros autores.

Apresentações

Nesta sexta, 13, haverá uma prévia da atração, aberta ao público, a partir das 19h30. No sábado, 14, o projeto será inaugurado oficialmente, às 18h.

A Sinfônica de Campinas participa da programação, que também integra sua agenda especial de 90 anos, com a performance dos seus músicos. No dia 19, quinta, o quarteto dos metais da orquestra se apresenta no local, às 19h. Formado por Oscarindo Roque Filho e Samuel Brisolla (trompetes), Fernando Hehl e Fransoel Decarli (trombones), o grupo interpretará um repertório caprichado de temas natalinos.

No dia 22, domingo, as projeções terão início logo após o término do Concerto de Natal da Sinfônica de Campinas, na Concha Acústica do Taquaral, que começa às 18h.

Serviço

Cortina d’Água
Quando: 13 a 23 de dezembro, das 19h30 às 21h.
Onde: Lagoa do Taquaral está localizada à Av. Dr. Heitor Penteado, s/n. Campinas.

Entrada gratuita

Continue Lendo